Skip to content

O Controle da Mente

outubro 28, 2010

Por Emmanoel Jetro

Já há algum tempo tem sido lançado documentários com temas que eu os categorizaria como extremamente polêmicos, pois se trata de temas como a imortalidade, invisibilidade e controle da mente. Gostaria de abordar e trazer algumas reflexões que julgo pertinentes no que está relacionado ao controle da mente.

Segundo o History channel já existem em testes hoje, chips que são implantados no cérebro e simplesmente fazem chamadas telefônicas e executam alguns comandos só com o pensamento. Por outro lado estão desenvolvendo também tecnologias que pode detectar previamente se um terrorista tentar fazer um ataque. Muitas outras utilidades são encontradas pela ciência pra desenvolver tecnologias desse tipo, mas alguns questionamentos saltam na minha mente e me fazem refletir, a que isso nos levará e em que nos transformará?

Umas das características mais comuns do homem é sua inclinação para o mal, desde o inicio do que nos conhecemos das primeiras civilizações, vemos um histórico terrível de gana por poder e dominação do próximo. Nos dias atuais essa característica se torna cada vez mais aguda, as provas são as instituições secretas de espionagens e métodos psicológicos e bem elaborados de interrogatórios que são testados em campos de guerras e que de alguma forma chegam às áreas civis que teve seu crescimento e aprimoramento durante a guerra fria.

A ciência diz que estas tecnologias servem pra ajudar a prever ataques, mas se cair em mãos erradas? Sabemos que o mercado negro tem muito dinheiro e não o economiza para investir no que lhes é proveitoso.

A ciência apresenta algumas tecnologias como um artifício para ajudar o homem em suas atividades e comodidade (fazer chamadas telefônicas e etc.), mas até onde nós estamos dispostos a nos anular como seres humanos individuais em nome da comodidade?

Em que isso de fato nos ajudará?

Será que é de fato necessário?

Vale o preço de perdermos o que nos resta de característica pessoal (os pensamentos) por um sistema que não criamos e de alguma forma nos é imposto em nome da segurança mundial?

Até que ponto os terroristas e outros criminosos são tão perigosos para precisarmos de armas desse tipo?

Quais os prejuízos de toda essa tecnologia e as pessoas têm noção do que isso significa?

Estas são algumas questões para refletirmos, mesmo embora (no meu porto de vista) não temos muito a fazer.

Hoje não existem quase barreiras entre a ficção e a realidade, e cada vez mais elas se confundem.

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s